terça-feira, 1 de junho de 2010

Mas há a vida

Mas há a vida
que é para ser
intensamente vivida,
há o amor.
Que tem que ser vivido
até a última gota.
Sem nenhum medo.
Não mata.

Clarice Lispector

3 comentários:

♫ ♪ Wilson ♫ ♪ disse...

Olá!
Passando para conhecer seu espaço.

Gostei muito e ainda me deparei com Clarice Lispector..rs..maravilha!

Belissímo domingo cheio de amor.

Beijos, um abraço carinhoso.

Mulheres de Atenas disse...

Clarice é sempre cheia de vida, mesmo quando fala da morte...
Bjs,
Lily

Mari Amorim disse...

Belo jeito de dizer eu te amo,
Parabéns,pela participação.
Boas energias,
Mari